terça-feira, 28 de outubro de 2014

RIQUEZA HERDADA, NOSSA DESCENDÊNCIA

Somos herdeiros do Rei dos reis. Príncipes somos, pois somos filhos do Rei.
Uma rica herança nos está destinada. Ricos Ele nos fez, graciosamente nos fez.
Uma dessas riquezas é a minha posteridade. “Verás os filhos de teus filhos”.
Como é extenso este “verás”. Não se trata de somente mirar, contemplar.
Deleitar-se, usufruir, alegrar-se, são alguns dos verbos que definem o “verás”.
Ouvir uma vozinha delicada a chamar “vovô”, é o som doce de um coral de pássaros a cantar-te a bênção divina.
Aquela corrida curta e o salto nos teus braços daquele ser lindo e pequenino, encerrando num abraço apertado, é ouvir Deus dizer-te: “és bem-aventurado. Isto é oferta minha”.
Receber um estalido suave de um beijo no rosto de um neto não tem preço.
Vê-los crescer, aprendendo de Deus, é pura Graça.
Como agradecer tão precioso tesouro?
Sim, sou rico. Deus fez-me rico.
Quero ser um mordomo fiel que zela pelos bens lhes foram confiados pelo seu Senhor. Não são meus, continuam sendo dele.
O legado que quero lhes deixar é um modelo de cristão fiel, autêntico e generoso, que lutou para proclamar o Evangelho e que amou Deus até o fim.
Quero sim, contribuir com minha história para que eles façam melhor para os seus netos e estes melhor ainda para os seus e assim até mil gerações, como diz a Palavra.
Assim poderei partir e esperar na glória a cada um, de cada geração que se segue, e ouvi-los dizer: “obrigado avô, bisavô, tetravô, etc., obrigado pela herança que nos deixou, seu exemplo e sua fé. Por isso estamos aqui”.
Me ajuda Senhor e faça-me melhor do que sou para que a herança que me deste seja expandida para milhares de milhares, em todos os cantos da terra.
Só assim, valeu a pena ter vivido.

SCM

24/06/2013

Nenhum comentário:

Postar um comentário